20 de mai de 2016

ÓLEO DE RÍCINO NOS CABELOS


Está com os cabelos fracos, quebradiços, danificados, ressecados, caspa ou queda de cabelo? Então que tal experimentar um óleo que pode ajudar muito nesses problemas? A dica de hoje é o óleo de rícino.
O óleo de rícino é o óleo extraído das sementes da mamona (ricinus communis), uma planta bastante comum em nosso país. As sementes da mamona contém entre 40 e 50% de óleo. A semente em si é tóxica, mas o seu óleo, rico em ácido ricinoleico, não é tóxico (já que a ricina não é solúvel em óleo).
A mamona é muito útil devido à ação antinflamatórios e antioxidante, tendo diversas aplicações.
Grávidas não deve utilizar o óleo de rícino. Salvo por orientação médica!



Benefícios do Óleo de Rícino para os Cabelos

  • Fortalece os fios
  • Combate a queda dos cabelos
  • Combate a quebra do fios
  • Contém vitamina E, minerais e vitaminas que auxiliam no crescimento
  • Ativa a circulação no couro cabeludo
  • Contém propriedades anti-bacterianas e anti-fúngicas
  • Trata pele seca e coceira no couro cabeludo
  • Ajuda no tratamento de calvície e alopécia
  • Diminui caspas (usando na raiz)
  • Hidrata e recupera os fios profundamente
  • Encorpa os fios
  • Sela as cutículas da fibra capilar dando brilho
  • Ajuda manter a hidratação dentro dos fios (sela)

Óleo de Rícino para Hidratar e Nutrir os Fios

Além de tratar o couro cabeludo, o óleo de rícino condiciona e hidrata os cabelos, prevenindo pontas duplas.
Se você faz o cronograma capilar, na fase de nutrição, você pode colocar uma colher de chá de óleo de rícino e 2 colheres de sopa do seu creme hidratante preferido. Se preferir pode adicionar manteigas vegetais. Misture tudo, passe nos cabelos úmidos lavados apenas com shampoo, deixe agir por 20 ou 30 minutos e enxágue.
Para as pontas duplas, misture o óleo de rícino com óleo de coco ou algum outro óleo mais emoliente. Passe a mistura apenas nas pontinhas dos fios, deixe agir por 2 horas e lave os cabelos normalmente.

Importante: Em consistência, o óleo de rícino é grosso (espesso) e pegajoso; por isso evite passar o óleo puro no comprimento dos fios.

Óleo de Rícino para Queda de Cabelo

O óleo de rícino pode impedir o crescimento de micro-organismos, como bactérias e fungos que podem afetar a saúde do seu couro cabeludo e, assim, ele pode impedir a perda de cabelos.
O óleo de rícino contém muitos compostos naturais altamente benéficos que estimulam o crescimento capilar, e embora não seja uma panaceia contra a calvície, pode ser utilizado como um tratamento coadjuvante para amenizar a perda de cabelo e fazer os cabelos crescerem mais espessos e fortes.
Se a perda de cabelos for devido a  fatores genéticos, o uso de óleo de mamona como um tratamento de queda de cabelo não vai curar o problema. Porém, pode sim ajudar a minimizar a taxa de queda.











Como o óleo de rícino estimula o crescimento capilar?

O óleo de rícino, quando aplicado e massageado diretamente sobre o couro cabeludo, estimula o crescimento de um cabelo forte e saudável, pois ele melhora a circulação sanguínea, o que é vital para estimular o crescimento do cabelo.
Contém ácido graxo omega 6 que estimula o couro cabeludo e folículos pilosos, fortalecendo os fios, de modo que quando eles crescerem, ficarão menos frágeis.
A aplicação não requer nenhum preparo especial: basta utilizar o óleo de rícino diretamente no couro cabeludo, massageando os cabelos por mais ou menos 5 minutos. Após isso, colocar uma touca plástica e deixar o produto agir por algumas horas. Depois lave os cabelos normalmente.

Onde comprar o óleo de rícino




O óleo de rícino é super-baratinho e pode ser encontrado normalmente em farmácias físicas ou online.